Search

Você pode gostar disso:

cryingangry
A Mão do Diabo (Frailty)
Filmes

A Mão do Diabo (Frailty)

A história se passa numa cidadezinha do interior do Texas. Fenton Meeks (Matthew McConaughey), depois de ficar sabendo de uma série de assassinatos, vai até a delegacia e declara que sabe de coisas que podem resolver o caso do "Mãos de Deus", um serial killer que já matou 6 pessoas. Fenton diz que seu irmão Adam é o responsável pelas mortes e o xerife local vai ouvindo sua história, carregada de trágicos acontecimentos que marcaram a infância do garoto. Dirigido por Bill Paxton.

angrypunk
Corrente do Mal (It Follows, 2014)
Filmes

Corrente do Mal (It Follows, 2014)

A jovem Jay (Maika Monroe) leva uma vida tranquila entre escola, paqueras e passeios no lago. Após uma transa, o garoto com quem passou a noite explica que ele carregava no corpo uma força maligna, transmissível às pessoas apenas pelo sexo. Enquanto vive o dilema de carregar a sina ou passá-la adiante, a jovem começa a ser perseguida por figuras estranhas que tentam matá-la e não são vistas por mais ninguém. Dirigido por David Robert Mitchell.

happy
Top 10 dia da mulher: musas do cinema
Filmes

Top 10 dia da mulher: musas do cinema

Parabéns a todas as mulheres neste dia 08 de março de 2017! Quero homenagear destacando as minhas 10 maiores musas do cinema, excelentes atrizes e deslumbrantes mulheres, cada uma em um papel marcante

Gilbert Grape – Aprendiz de Sonhador (“What’s Eating Gilbert Grape?”)

combinada

Eu indico
Gilbert Grape – Aprendiz de Sonhador (EUA, 1993)
Gilbert Grape – Aprendiz de Sonhador é o filme de um jovem tão consumido com o que decidem para a vida dele que não tem tempo de pensar se é o que realmente quer fazer. Gilbert Grape (Johnny Depp) vive em Endora, uma cidade pequena e tediosa, e trabalha numa mercearia. Após o suicídio do pai, ele se vê como a figura central da família. Ele que sustenta a casa, ele controla as irmãs e ele tem de cuidar da mãe obesa (Darlene Cates), que come compulsivamente desde a morte do marido, e do irmão Arnie (Leonardo DiCaprio), que é deficiente mental. Ele vive nessa rotina em sua cidade, sem nenhuma novidade surgindo. Até que Becky (Juliette Lewis), uma forasteira que viaja pelos Estados Unidos com sua avó, chega na cidade de Endora e começa a fazer as decisões de Gilbert surgirem e modificarem sua vida.
Depp e DiCaprio:
Um drama familiar bacana, sustentado pela representação e sentido que os personagens dão à trama. Com uma combinação de atores excelentes (Johnny Depp, Juliette Lewis, Leonardo DiCaprio, John C. Reilly, Mary Steenburgen, Darlene Cates) e atuações memoráveis do protagonista (Depp) e coadjuvante (DiCaprio); este último fez provavelmente o melhor papel de sua vida, rendendo uma indicação ao Oscar.
É interessante ver o Johnny Depp mais jovem e no papel de uma pessoa comum, bem diferente de seus exóticos e esquisitos personagens em boa parte dos filmes que fez (Edward Mãos-de-Tesoura, Don Juan DeMarco, Piratas do Caribe, Era Uma Vez no México, Janela Secreta, A Fantástica Fábrica de Chocolate, Sweeney Todd, O Imaginário do Dr. Parnassus, Alice no País das Maravilhas, O Turista, O Diário de Um Jornalista Bêbado, Sombras da Noite). No filme, ele pode ser comparado a uma pessoa qualquer, como eu ou você, seguindo uma rotina traçada e planejada, vivendo na mesma casa que cresceu, sem nunca ter ido a outra cidade. Ele vive mais a vida pela família, quase nunca por si mesmo. Um exemplo disso é a função dele de cuidar do irmão incapacitado Arnie (DiCaprio). E nessa tarefa, ele não pode se distrair nem por um instante. Diante de qualquer erro nesse papel, a responsabilidade e a vergonha caem para o irmão mais velho. Com o suicídio do pai, sua vida se torna quase irreversível, já que os tempos vagos que ele tinha com o irmão sobraram para ele trabalhar e sustentar a fome da mãe.
A mudança causada pela chegada de Becky representa a liberdade que ele não tem. O filme representa como a mudança é necessária para fazer a vida seguir em frente. Todos precisam de uma Becky como exemplo. Ela é interpreta por Juliette Lewis, que está uma graça, combinada com uma fotografia belíssima pelos campos ao redor da cidade, com lagos e céu aberto.
A proposta remete à idéia de não desperdiçar a vida, onde cada momento é valioso e cada mudança é necessária. Aproveitar as oportunidades e não viver por muito tempo numa situação incômoda. Mesmo que o filme não agradasse, já bastaria ver um Leonardo DiCaprio praticamente irreconhecível, mostrando todo o seu potencial de atuação e dando um realismo ao personagem que faz toda a diferença no enredo.

__________________________________
Fontes: 

http://planocritico.ne10.uol.com.br/critica-gilbert-grape-aprendiz-de-um-sonhador/
http://pt.wikipedia.org/wiki/Johnny_Depp

Próximo post Post anterior

Você pode gostar disso:

angrypunk
A Tempestade do Século (EUA / Canadá, 1999)
Filmes

A Tempestade do Século (EUA / Canadá, 1999)

Little Tall é uma pequena cidade que fica em uma ilha longe do continente e está prestes a receber uma violenta tempestade de neve. Andre Linoge (Colm Feore), um forasteiro bastante estranho, chega na pequena cidade e cria pânico e morte entre os moradores. Ele sabe o segredo de todos os habitantes. Mike Anderson (Timothy Dale), o policial da cidade, tenta manter cada um em alerta contra a forte tempestade e contra Linoge. Dirigido por Craig R. Baxley. Roteiro de Stephen King.

cryingangry
A Mão do Diabo (Frailty)
Suspense

A Mão do Diabo (Frailty)

A história se passa numa cidadezinha do interior do Texas. Fenton Meeks (Matthew McConaughey), depois de ficar sabendo de uma série de assassinatos, vai até a delegacia e declara que sabe de coisas que podem resolver o caso do "Mãos de Deus", um serial killer que já matou 6 pessoas. Fenton diz que seu irmão Adam é o responsável pelas mortes e o xerife local vai ouvindo sua história, carregada de trágicos acontecimentos que marcaram a infância do garoto. Dirigido por Bill Paxton.

coolcrying
Jesus de Nazaré (“Jesus of Nazareth”) – de Franco Zefirelli
Filmes

Jesus de Nazaré (“Jesus of Nazareth”) – de Franco Zefirelli

Franco Zefirelli dirige esse clássico que conta a história de Jesus desde sua humilde origem, como filho de Deus. Sua viagem inclui o Sermão no Montes das Oliveiras, as Tentações de Satanás, a escolha dos Doze Apóstolos, a Última Ceia, a Crucificação e a Ressurreição.

2 Comentários

    • Olá. Gostaria de ter algum contato seu (e-mail, face, insta ou o que quiser passar) para te enviar uma mensagem convidando a apreciar o meu novo site Eu & a Telona. O blog foi todo reformulado e eu gostaria de divulgar primeiro para as pessoas que fizeram algum comentário sobre os filmes que postei aqui. Obrigadão!

      Reply

Deixe seu comentário

Seus dados estão seguros! Seu endereço de email não será publicado. E seus dados não serão compartilhados com terceiros. Campos obrigatórios marcados como *