Search

Você pode gostar disso:

coolcryingstar
O Sol é Para Todos (1962)
Filmes

O Sol é Para Todos (1962)

Alabama, anos 1930. A pequena Jean (Mary Badham) é uma menina inteligente que tem no seu pai o grande herói. Atticus Finch (Gregory Peck) é um advogado viúvo que cuida de seu casal de filhos pequenos. Idealista e honesto, ele será o defensor de Tom, um negro acusado de estuprar uma mulher branca. Num júri composto apenas de brancos, todos sabem qual será o veredicto. Mas o advogado não desistirá de tentar provar que Tom é inocente. Além desse julgamento, a amizade de Jean com Boo Radley (Robert Duval), um deficiente mental que vive encarcerado em sua casa, vai fazer com que a menina passe a ver o mundo sob uma nova ótica e descobrir que o mundo dos adultos é mais cruel do que parece.

Filmes

Os Filhos da Meia-Noite (Midnight’s Children, 2012)

Eu indico Midnight’s Children (Canadá / Reino Unido, 2012) Em

laughingangelpunk
Juan dos Mortos (Cuba, 2013)
Filmes

Juan dos Mortos (Cuba, 2013)

Juan (Alexis Díaz de Villegas) é um sujeito de 40 anos especializado na arte de não fazer nada. Um dia, se depara com uma misteriosa infecção que está transformando os habitantes de Havana em mortos-vivos. Como um bom cubano, decide começar um negócio ao lado do amigo Lazaro (Jorge Molina) para tirar vantagem da situação. Eles se especializam em assassinar zumbis e trabalham com o slogan "Matamos seus entes queridos". O negócio acaba sendo afetado com o crescimento constante do número de infectados. Dirigido por Alejandro Brugués.

Inverno da Alma (“Winter’s Bone”, EUA, 2010)

Eu indico
Winter’s Bone (EUA, 2010)
Ree Dolly (Jennifer Lawrence), uma garota de 17 anos, vai em busca de seu pai desaparecido, para não perder a casa que fora dada por ele como garantia de liberdade condicional. Ao mesmo tempo em que terá que proteger sua família do despejo, ela se verá obrigada a enfrentar ameaças e desafios para descobrir a verdade sobre o seu pai. Escrito e dirigido por Debra Granik.
A frieza intensa:
Jennifer Lawrence parece estar no auge de sua carreira. No Oscar e no Globo e Ouro de 2013 venceu o prêmio de melhor atriz por O Lado Bom da Vida (“Silver Linings Playbook”) e recebeu mais uma indicação por sua atuação, neste ano de 2014, em Trapaça (“American Hustle”), no qual recebeu o Globo de Ouro. Também é a estrela da franquia “Jogos Vorazes”, na qual adquiriu muitos fãs. Mesmo assim, antes de tudo isso, veio Inverno da Alma, com sua primeira indicação como melhor atriz. Apesar de ter sido ofuscada pelo papel de Natalie Portman em Cisne Negro, na cerimônia e na mídia, a atuação de Jennifer Lawrence neste filme é excepcional.
Baseado na obra de Daniel Woodrell, de 2006, o filme recebeu quatro indicações ao Oscar 2011, inclusive melhor roteiro adaptado e melhor atriz. A trama é misteriosa e densa, onde uma adolescente, que cuida de seus dois irmãos pequenos, precisa encontrar o seu pai, procurado pela polícia, para impedir que a justiça tome a sua casa. Cada personagem vai cumprir seu papel no mistério, compartilhando a tristeza e a miséria preponderantes daquela pequena região, junto com todo o frio perceptível. Quase que podemos ser afetados pelo intenso frio sentido por eles.
A câmera tem tomadas bem focadas na personagem principal que, graças à atuação de Jennifer Lawrence, nos passa todos os sentimentos vividos e suportados por ela, até as variações destes. Até o sotaque dela combina com o universo habitado. Através de sua empreitada, sempre se mostrando persistente, todo o comportamento das pessoas ao redor é exposto, numa região onde todo mundo se conhece – ou é parente –, mostrando com ênfase que, diante da pressão, todos podem ser inimigos, mesmo que seja na atitude de frieza diante do problema alheio. A fotografia de Michael McDonough e o clímax bem interessante da trama são outras características que tornam este filme uma boa indicação.
__________________________________
Fontes:
Próximo post Post anterior

Você pode gostar disso:

tongueangrypunk
Fragmentado (2017)
Filmes

Fragmentado (2017)

Shyamalan demostra uma segurança maior na direção deste Fragmentado e mantém a sua marca que conquistou muitos fãs. O filme, Kevin (James McAvoy) possui 23 personalidades distintas e sequestra três adolescentes que encontra em um estacionamento. Vivendo em cativeiro, elas passam a conhecer as diferentes facetas de Kevin e precisam encontrar algum meio de escapar.

Filmes

Milagre em Milão (“Miracolo a Milano”)

Eu indico Miracolo a Milano (Itália, 1951) Uma mulher adota

Filmes

Nossa Hospitalidade (EUA, 1923)

Eu indico Our Hospitality (EUA, 1923) Por volta de 1830,

0 Comentário

Sem comentários

Você pode ser o primeiro a comentar este post!

Deixe seu comentário

Seus dados estão seguros! Seu endereço de email não será publicado. E seus dados não serão compartilhados com terceiros. Campos obrigatórios marcados como *