Search

Você pode gostar disso:

Ação Animação Comédia Filmes Na pré Primeiro Aqui

Deixa Ela Entrar (“Låt den Rätte Komma In”, Suécia, 2007)

Eu indico Deixa Ela Entrar (Suécia, 2007) O filme conta

confusedangrypunk
Rare Exports: a Christmas Tale (Finlândia, 2010)
Ação Animação Comédia Filmes Na pré Primeiro Aqui

Rare Exports: a Christmas Tale (Finlândia, 2010)

Durante escavações no Monte Korvatunturi (Finlândia), um ser estranho é descoberto congelado. Os responsáveis pelo achado identificam-no como o verdadeiro Papai Noel e tentam vendê-lo. Misteriosamente as crianças da cidade começam a desaparecer, junto com fogões e aquecedores. Além disso, são encontradas dezenas de renas mortas e mutiladas. Dirigido por Jalmari Helander.

coolcryingstar
Cinema Paradiso (Itália, 1988)
Ação Animação Comédia Filmes Na pré Primeiro Aqui

Cinema Paradiso (Itália, 1988)

O filme conta a história de uma amizade entre um garoto (Totó) e um projecionista (Alfredo), além do amor de ambos pelo cinema, na figura do chamado Cinema Paradiso, onde Alfredo trabalhava. Já adulto, Salvatore Di Vita (Totó) é um cineasta bem-sucedido e vive em Roma. Ele recebe um telefonema de sua mãe avisando que Alfredo faleceu, e isso traz lembranças de sua infância e, principalmente, do Cinema Paradiso.

laughingangeltongue

Lego Ninjago (2017)

Lego Ninjago: Masters of Spinjitzu (EUA, 2017)

A Lego, maior empresa de brinquedos do mundo, invadiu rapidamente o mundo dos filmes de animação e deixou mais uma marca, de forma original, até porquê manteve o seu padrão que já é, em si, original. Este é o terceiro “Filme Lego” que funcionou bem, tivemos antes “Uma Aventura LEGO” (2014), que poderia ter recebido o Oscar de melhor animação e deixou pessoas boquiabertas com o formato da animação, na medida que peças e bonecos Lego montam os cenários e as cenas ao longo do filme; e ainda tivemos, este ano, “Lego Batman: O Filme” (2017), com ótima qualidade visual, aventura e piadas hilárias no universo dos heróis. Phil Lord e Chris Miller, diretores e roteiristas do primeiro filme, produtores do “Lego Batman: O Filme”, estão na produção deste novo filme, que ficou com a direção de Charlie Bean.

Lego Ninjago chegou para agradar. Ele tem momentos para crianças, mensagens para a família, bastante aventura e “Efeitos Especiais Lego” para ninguém botar defeito. A introdução da história já conta com o carismático Jackie Chan, tudo a ver com a mensagem oriental que o filme pretende passar. A partir daí temos um “Mundo Lego“ futurista (Ninjago City), com bonecos que possuem smartphones e estão nas redes sociais, ninjas que controlam robôs para combater vilões, templos orientais, florestas, etc, tudo isso em formato e estilo Lego. Importante identificar que o filme também tem o seu clima tradicional, remetendo a guerreiros antigos e a relação importante entre mestre e discípulos.

O mundo Lego estimula criação, criatividade e aprendizado. O enredo do filme possui algumas lições, seja no campo das artes marciais (como se tornar um ninja para o bem), respeitar a natureza ou conviver bem em família, com mensagens legais para pais e filhos. Os robôs controlados pelos ninjas lembram alguns velhos tokusatsu japoneses. Isso tudo com pitadas de humor, frases de efeito como, se me permitem um pequeno spolier (se não, não leiam o final deste parágrafo)… “meste, ele conseguiu mesmo decifrar as suas metáforas desnecessariamente enigmáticas”.

O filme não chega a superar os anteriores, o elemento originalidade (principalmente da técnica da animação) é o principal causador dessa queda, então os produtores deverão tomar certo cuidado para que essa “fórmula Lego” não caia na mesmice. Sentimos falta também de mais cenas explorando a desmontagem e montagem de peças Lego, já que foram pouquíssimas cenas assim neste filme, algo que não faltou nos filmes anteriores.

Tags Relacionadas crítica, lego, Lego Batman, lego cinema, lego filme, lego ninjago, lego ninjago crítica, lego ninjago resenha, resenha, Uma Aventura LEGO
Próximo post Post anterior

Você pode gostar disso:

Filmes

Depois da Chuva (Ame agaru)

Eu indico Depois da Chuva (Japão, 1999) Misawa é um

Filmes

Invasores – Nenhum Sistema Está à Salvo (Alemanha, 2014)

Eu indico Who Am I – Kein System ist sicher

laughingmoustachetongue
Jurassic World: Reino Ameaçado (2018)
Filmes

Jurassic World: Reino Ameaçado (2018)

Owen e Claire retornam à ilha Nublar para salvar os dinossauros restantes de um vulcão que está prestes a entrar em erupção. Eles encontram novas e aterrorizantes raças de dinossauros gigantes ao descobrir uma conspiração que ameaça todo o planeta. Dirigido por Juan Antonio Bayona.

2 Comentários

  1. É um dos poucos filmes LEGO que eu amo! O Filme nao foi como os filmes anteriores,que so tinha apenas comedia e uma mensagem interresante,The LEGO Movie e The Lego Batman Movie (aqui deixo os horários da estréia: http://br.hbomax.tv/movie/TTL609454/Lego-Batman-O-Filme ) conseguirem trazer isso,mas ja o The Lego Ninjago Movie,foi algo diferente,ao contrario dos outros filmes,esse filme passa uma mensagem e uma historia tocante para algumas pessoas atualmente. Cada cena que montaram sobre o personagem,e suas relacoes e sentimentos foi algo que me deixou impressionada,nao vimos algo assim em um dos filmes de Lego antes,em varios momentos,eu me identifiquei o personagem e para quem identificou também,vai perceber o como um boneco de lego pode ter algo que pode te supreender.

    Reply
  2. Obrigado, Ivonne, pelo comentário. De fato um boneco lego é algo íntimo, que representa uma história para uma pessoa; já na primeira cena temos o garotinho com um lego que vai ouvir a história contada por Jackie Chan. Esse filme Lego possui várias mensagens especiais e pode ser visto em família.

    Reply

Deixe seu comentário

Seus dados estão seguros! Seu endereço de email não será publicado. E seus dados não serão compartilhados com terceiros. Campos obrigatórios marcados como *