Search

Você pode gostar disso:

Cult Drama Favoritos Ficção Científica Filmes

O Pequeno Nicolau (“Le Petit Nicolas”)

Eu indico Le Petit Nicolas (França, 2009)   Nicolau (Maxime

laughingangeltongue
Jumanji: Bem-Vindo à Selva (2017)
Cult Drama Favoritos Ficção Científica Filmes

Jumanji: Bem-Vindo à Selva (2017)

Dirigido por Jake Kasdan, o filme vai na carona da empolgante música do Guns N' Roses, “Welcome to the jungle”, usada também no subtítulo do filme, somos inseridos na terra de Jumanji, com florestas densas e criaturas perigosas, além dos inimigos humanos. A diversidade ecológica se mistura à diversidade dos personagens, sendo assim o roteiro acerta um pouco em investir na questão da diversidade na medida em que junta um nerd, uma patricinha que adora exposição, um jogador de futebol popular que não estuda e uma menina estranha e tímida.

coolcrying
Jesus de Nazaré (“Jesus of Nazareth”) – de Franco Zefirelli
Cult Drama Favoritos Ficção Científica Filmes

Jesus de Nazaré (“Jesus of Nazareth”) – de Franco Zefirelli

Franco Zefirelli dirige esse clássico que conta a história de Jesus desde sua humilde origem, como filho de Deus. Sua viagem inclui o Sermão no Montes das Oliveiras, as Tentações de Satanás, a escolha dos Doze Apóstolos, a Última Ceia, a Crucificação e a Ressurreição.

confusedcryingstarmoustache

O Homem da Terra (2007)

The Man From Earth (EUA, 2007)

Escrever sobre este filme é um desafio quando a intenção é convencer o leitor a assisti-lo. Isto porquê a minha experiência foi vê-lo sem quase informação alguma, nem a sinopse, e desejo que todos tenham a mesma experiência. Esta não é uma resenha crítica, mas sim um apelo para que o mundo inteiro passe pela experiência de assistir a um grande filme. Essa experiência seria reduzida a cada informação revelada do mesmo. Então, se você já está convencido, deixe essa leitura de lado e vá atrás do filme. Se não, procurei com certo cuidado escrever pequenos comentários evasivos sem revelar o conteúdo do que será visto, para não prejudicar a sua satisfação com a surpresa e o mistério da trama.

Trata-se de um roteiro com muito conteúdo histórico com cerne na ciência e religião. Para isso, o diretor Richard Schenkman, a partir do roteiro de Jerome Bixby, opta por uma trama com muitos diálogos, todos inteligentes, até porquê entre os personagens temos professores, doutores, pessoas bem formadas. Um deles, John Oldman (David Lee Smith), protagonista, está de mudança e vai se afastar dos amigos, e resolve fazer uma revelação chocante sobre si mesmo, o que dá início a uma série de reações e discussões que vão nos dar uma aula de história, ciência, de tudo.

Na proposta de fazer pensarmos fora da caixa, questionarmos paradigmas e refletirmos sobre nossa existência, o filme brilha. Podemos dizer que possui uma atmosfera de muitos filmes Sci-Fi e trás um pouco aquele estilo de filmes com diálogos inteligentes, como As Invasões Bárbaras (Canadá, 2003), de Denys Arcand, que ganhou o Oscar de melhor filme estrangeiro. Outro exemplo melhor é The Sunset Limited (2011), onde Tommy Lee Jones e Samuel L. Jackson vivem um debate filosófico enriquecedor. E também gostaria de citar Ponto de Mutação (1990), onde três pessoas (um político, um poeta e uma cientista) entram num diálogo interessante sendo que elas possuem pensamentos diferentes mas são abertas a novas idéias. Este último, apesar de ter um conteúdo inestimável, pode se tornar monótono antes da metade do filme, o que não ocorre com O Homem da Terra.

É um filme curto (90 minutos) e de baixo orçamento (somente 200 mil dólares), que prende muito, muito mesmo, nossa atenção. Podemos sair deslumbrados e um pouco chocados após conferir. Enfim, ganha no conteúdo e nas sensações que causa ao espectador, que eu desejo sejam boas sensações, ao menos para a maioria. Um ideia interessante que segue um caminho não convencional. Assim, consegue se tornar um verdadeiro entretenimento e uma obra cultuada e recomendada por praticamente todo mundo que assistiu.

Tags Relacionadas ciência, crítica, David Lee Smith, Invasões Bárbaras, O Homem da Terra, Ponto de Mutação, Religião, resenha, Richard Schenkman, Sci-Fi, The Man From Earth, The Sunset Limited
Próximo post Post anterior

Você pode gostar disso:

Filmes

O Homem dos Olhos Esbugalhados (EUA, 1940)

Eu indico Stranger on the Third Floor (EUA, 1940) O

coolstarangrypunk
Poltergeist: O Fenômeno (1982)
Terror

Poltergeist: O Fenômeno (1982)

Uma típica família americana vive o famoso sonho americano, moram na casa dos sonhos, numa cidade pequena e com espaço para uma piscina. Mas logo a família Freeling começa a presenciar fenômenos psíquicos, que a princípio parecem ser inofensivos, mas que cada vez se tornam mais aterrorizantes até que uma entidade “sequestra” a pequena Carol Anne (Heather O'Rourke) e tudo vira um inferno.

Filmes

Holy Motors (2012)

Eu indico Holy Motors (França / Alemanha, 2012) Oscar (Denis

0 Comentário

Sem comentários

Você pode ser o primeiro a comentar este post!

Deixe seu comentário

Seus dados estão seguros! Seu endereço de email não será publicado. E seus dados não serão compartilhados com terceiros. Campos obrigatórios marcados como *