Search

Você pode gostar disso:

cryingstar
O Castelo Animado (Japão, 2004)
Cult Drama Favoritos Ficção Científica Filmes

O Castelo Animado (Japão, 2004)

Sophie é enfeitiçada por uma Bruxa que transforma-a numa velha senhora. Sem muitas opções, ela acaba tendo que sair de casa em busca de uma forma de quebrar essa maldição. Sabendo que a região tem fama de possuir feiticeiros e bruxas, ela inicia sua jornada por uma trilha pelas montanhas, onde acaba encontrando o magnífico castelo enfeitiçado de Howl, uma geringonça ambulante que volta e meia passava andando pelas localidades interioranas ao redor da cidade.

Cinco filmes para ver na semana santa: épicos, bíblicos, clássicos
Cult Drama Favoritos Ficção Científica Filmes

Cinco filmes para ver na semana santa: épicos, bíblicos, clássicos

Às vésperas do feriado da semana santa, Eu & A Telona selecionou cinco filmes importantes. Alguns épicos, bíblicos e até clássicos, que podem preencher o seu final de semana santa de alegria, mesmo que você não seja religioso, cristão ou o que seja, afinal são grandes produções e podem agradar a maioria.

angelconfusedcryingtongue
O Formidável (França, 2017)
Cult Drama Favoritos Ficção Científica Filmes

O Formidável (França, 2017)

O filme se passa em Paris, anos 60, onde o diretor Jean-Luc Godard (Louis Garrel) e a atriz Anne Wiazemsky (Stacy Martin) começaram a viver um romance e, futuramente, por decisão dela, a história dos dois é contada. A direção e roteiro fica por conta de Michel Hazanavicius, que venceu o Oscar com o filme O Artista (2012).

confusedcryingstarmoustache

O Homem da Terra (2007)

The Man From Earth (EUA, 2007)

Escrever sobre este filme é um desafio quando a intenção é convencer o leitor a assisti-lo. Isto porquê a minha experiência foi vê-lo sem quase informação alguma, nem a sinopse, e desejo que todos tenham a mesma experiência. Esta não é uma resenha crítica, mas sim um apelo para que o mundo inteiro passe pela experiência de assistir a um grande filme. Essa experiência seria reduzida a cada informação revelada do mesmo. Então, se você já está convencido, deixe essa leitura de lado e vá atrás do filme. Se não, procurei com certo cuidado escrever pequenos comentários evasivos sem revelar o conteúdo do que será visto, para não prejudicar a sua satisfação com a surpresa e o mistério da trama.

Trata-se de um roteiro com muito conteúdo histórico com cerne na ciência e religião. Para isso, o diretor Richard Schenkman, a partir do roteiro de Jerome Bixby, opta por uma trama com muitos diálogos, todos inteligentes, até porquê entre os personagens temos professores, doutores, pessoas bem formadas. Um deles, John Oldman (David Lee Smith), protagonista, está de mudança e vai se afastar dos amigos, e resolve fazer uma revelação chocante sobre si mesmo, o que dá início a uma série de reações e discussões que vão nos dar uma aula de história, ciência, de tudo.

Na proposta de fazer pensarmos fora da caixa, questionarmos paradigmas e refletirmos sobre nossa existência, o filme brilha. Podemos dizer que possui uma atmosfera de muitos filmes Sci-Fi e trás um pouco aquele estilo de filmes com diálogos inteligentes, como As Invasões Bárbaras (Canadá, 2003), de Denys Arcand, que ganhou o Oscar de melhor filme estrangeiro. Outro exemplo melhor é The Sunset Limited (2011), onde Tommy Lee Jones e Samuel L. Jackson vivem um debate filosófico enriquecedor. E também gostaria de citar Ponto de Mutação (1990), onde três pessoas (um político, um poeta e uma cientista) entram num diálogo interessante sendo que elas possuem pensamentos diferentes mas são abertas a novas idéias. Este último, apesar de ter um conteúdo inestimável, pode se tornar monótono antes da metade do filme, o que não ocorre com O Homem da Terra.

É um filme curto (90 minutos) e de baixo orçamento (somente 200 mil dólares), que prende muito, muito mesmo, nossa atenção. Podemos sair deslumbrados e um pouco chocados após conferir. Enfim, ganha no conteúdo e nas sensações que causa ao espectador, que eu desejo sejam boas sensações, ao menos para a maioria. Um ideia interessante que segue um caminho não convencional. Assim, consegue se tornar um verdadeiro entretenimento e uma obra cultuada e recomendada por praticamente todo mundo que assistiu.

Tags Relacionadas ciência, crítica, David Lee Smith, Invasões Bárbaras, O Homem da Terra, Ponto de Mutação, Religião, resenha, Richard Schenkman, Sci-Fi, The Man From Earth, The Sunset Limited
Próximo post Post anterior

Você pode gostar disso:

laughingangelpunk
Juan dos Mortos (Cuba, 2013)
Terror

Juan dos Mortos (Cuba, 2013)

Juan (Alexis Díaz de Villegas) é um sujeito de 40 anos especializado na arte de não fazer nada. Um dia, se depara com uma misteriosa infecção que está transformando os habitantes de Havana em mortos-vivos. Como um bom cubano, decide começar um negócio ao lado do amigo Lazaro (Jorge Molina) para tirar vantagem da situação. Eles se especializam em assassinar zumbis e trabalham com o slogan "Matamos seus entes queridos". O negócio acaba sendo afetado com o crescimento constante do número de infectados. Dirigido por Alejandro Brugués.

angelcrying
A festa de despedida (Israel, 2015)
Drama

A festa de despedida (Israel, 2015)

Um grupo de amigos em uma casa de repouso em Jerusalém constrói uma máquina de auto-eutanásia, a fim de ajudar um amigo em estado terminal. Quando os rumores sobre a máquina começam a se espalhar, mais e mais pessoas começam a se interessar pela ideia de partir dessa para uma melhor, e o grupo de amigos se questiona se o que estão fazendo é a coisa certa. Dirigido por Tal Granit e Sharon Maymon.

confusedcrying
Cabaré Bibliotheque Pascal (2010)
Cult

Cabaré Bibliotheque Pascal (2010)

Depois de um trailer empolgante, com uma trilha sonora bacana, qualquer um vai querer assistir! Mona vive nas ruas da Hungria ganhando a vida como artista e é vendida como escrava pelo próprio pai a um estranho bordel, onde as prostitutas são forçadas a agir como personagens literários. Roteiro e direção de Szabolcs Hadju.

0 Comentário

Sem comentários

Você pode ser o primeiro a comentar este post!

Deixe seu comentário

Seus dados estão seguros! Seu endereço de email não será publicado. E seus dados não serão compartilhados com terceiros. Campos obrigatórios marcados como *