Search

Você pode gostar disso:

tonguepunk
It: A Coisa (2017)
Filmes

It: A Coisa (2017)

Esse filme é um presente merecido para os fãs, já que o resultado ficou excelente. Adaptação feita com muito cuidado, em detalhes, conseguindo ser assustador e ao mesmo tempo agradável. A mensagem principal - que não poderia ficar de fora - está lá: a personificação do medo, que é a definição da Coisa, o palhaço monstruoso que se materializa no medo de suas vítimas e se alimenta dessa sensação de medo. O diretor argentino Andrés Muschietti merece louvor por deixar 2 horas e 15 minutos de diversão e cenas assustadoramente criativas.

laughing
John Wick: Um Novo Dia para Matar (2017)
Filmes

John Wick: Um Novo Dia para Matar (2017)

Após recuperar seu carro, John Wick (Keanu Reeves) acredita que enfim poderá se aposentar. Entretanto, a reaparição de Santino D'Antonio (Riccardo Scarmacio) atrapalha seus planos. Dono de uma promissória em nome de Wick, por ele usada para deixar o posto de assassino profissional da Alta Cúpula, Santino cobra a dívida existente e insiste para que ele mate sua própria irmã, Gianna (Claudia Gerini). Dirigido por Chad Stahelski.

laughingsurpriseangry
A Hard Day (Coreia do Sul, 2014)
Filmes

A Hard Day (Coreia do Sul, 2014)

A trama acompanha o detetive Ko Gun-Soo que, ao voltar do funeral de sua mãe, atropela um homem em uma estrada escura. Em um momento de desespero, o policial oculta o crime e tenta esconder o corpo. A partir disso, o detetive vai passar por várias situações complicadas. Escrito e dirigido por Kim Seong-hoon.

Heróis da ressaca (Reino Unido, 2013)

Eu indico
The World’s End (Reino Unido, 2013)

Após falharem no pub crawl, uma competição de bebidas em 12 bares diferentes em apenas uma noite, cinco amigos retornam para a cidade natal vinte anos após o fracasso. O objetivo do grupo é dar-se mais uma chance. O único porém é: a juventude se foi e a vida adulta cobra o seu preço. Dirigido por Edgar Wright.
De encontro ao fim do mundo!
A comédia aqui é uma desculpa para lidar com a questão da chegada da vida adulta, das amizades que precisam ser mantidas, da responsabilidade e persistência em relação aos nossos objetivos, entre outras coisas. Vinte anos depois, um grupo de amigos se reúne novamente para tentar percorrer uma maratona de bebidas em vários pubs numa cidadezinha próxima a Londres. Edgar Wright, Simon Pegg e Nick Frost conceberam esta que é a conclusão da trilogia conhecida como Three Flavours Cornetto Trilogy (Trilogia Cornetto de Três Sabores), que mistura comédia com algum outro gênero. Edgar Wright ficou na direção e os atores Simon Pegg e Nick Frost praticamente escreveram o roteiro e estrelaram em todos os três filmes.
Cada filme foi um pouco inspirado em um sabor diferente do sorvete Cornetto (os protagonistas sempre compram um Cornetto do sabor relacionado). O primeiro da trilogia foi o ótimo Todo Mundo Quase Morto (Shaun of the Dead, 2004), representando o sabor morango (vermelho), numa mistura de filmes de terror com zumbis e sua comédia trash. Em 2007, o filme Chumbo Grosso (Hot Fuzz), que representou o Cornetto clássico (azul), fez referência a filmes de ação. Já neste último, de 2013 (o verde menta), um grupo de amigos vai enfrentar outro tipo de problema… aguarde a surpresa, porquê vale a pena assistir sem saber.
Heróis de Ressaca possui o título original The World’s End (O fim do mundo), que é o nome do último pub da maratona, mas também faz referência à proposta da trama. É interessante como ninguém mais na cidade está interessado ou até ciente da maratona que os amigos resolvem fazer novamente, então é como se isso fosse uma questão de honra para eles, ou melhor, para Gary King, que está preso ao passado, enquanto seus amigos avançaram na vida: família, sucesso no emprego e tudo o que entendemos que envolve responsabilidade. Eles acabam entrando nesse desafio por conta da persistência de Gary. Aqui vemos que a responsabilidade também significa cuidar e manter as amizades de longa data.
Simon Pegg está numa interpretação impecável como Gary King, ele é expressivo na dose certa (exagerado quando precisa, melancólico quando precisa) e algumas cenas são hilárias só de olhar para ele. O protagonista tem medo de seguir em frente, não assume responsabilidades e tem o álcool como válvula de escape. Simon Pegg e o diretor Edgar Wright receberam indicações e alguns prêmios (melhor ator e diretor de comédia). No Empire Awards, da revista britânica Empire, venceu como melhor filme britânico do ano. Os outros atores não ficam muito atrás, a dupla de protagonistas Gary (Simon Pegg) e Andy (Nick Frost) funciona muito bem, mais uma vez. A trilha sonora também foi premiada (composição de Steven Price).
Além de ser criativo e atrativo, este foi considerado o melhor da trilogia, o que não é comum em trilogias. Outra coisa que chamou atenção são as várias cenas de luta bem coreografadas e inusitadas.
__________________________________
Fontes:
Próximo post Post anterior

Você pode gostar disso:

angelconfused
O Filho de Rambow (Reino Unido, 2007)
Filmes

O Filho de Rambow (Reino Unido, 2007)

Existem alguns filmes que exploram o universo infantil, mas que são voltados para os adultos. Este é um dos melhores. Bem original e divertido, o filme explora amizade, família, o amor pelo cinema e também a quebra de paradigmas.

crying
Tarde Demais (“Beautiful Boy”, 2010)
Drama

Tarde Demais (“Beautiful Boy”, 2010)

A jornada de um casal que tenta desesperadamente encontrar alguma explicação, depois de descobrir que seu único filho cometeu um assassinato em massa dentro de sua universidade e depois se suicidou. O filme mostra como eles lidam com a realidade de ter o único filho morto e visto por todos como um assassino cruel. Dirigido por Shawn Ku.

Filmes

Vidas ao Vento (“Kaze Tachinu”, Japão, 2014)

Eu indico Kaze Tachinu (Japão, 2014) Jiro Horikoshi vive em

0 Comentário

Sem comentários

Você pode ser o primeiro a comentar este post!

Deixe seu comentário