Search

Você pode gostar disso:

Oscar Game!
Destaques Filmes Policial Suspense

Oscar Game!

Participe do nosso primeiro game online dedicado a premiação do Oscar realizado com um parceiro nosso! Basta assistir (ou não) aos filmes, cadastrar seu palpite, convidar os amigos, fazer a pipoca, cruzar os dedos e acompanhar a premiação.

cryingtongue
O Destino de uma Nação (2017)
Destaques Filmes Policial Suspense

O Destino de uma Nação (2017)

Essa adaptação não se propõe a mostrar a vida de Churchill, mas sim um recorte de um momento crítico na história do Reino Unido, num momento histórico dos mais lembrados pela humanidade, a Segunda Guerra Mundial, onde ele assumiu o papel de primeiro-ministro quando os grandes dirigentes do Reino Unido já estavam jogando a toalha e se dando por vencidos pela Alemanha. É interessante e vai na linha do título original do longa “Darkest Hour” (Hora mais escura). Dirigido por Joe Wright.

Destaques Filmes Policial Suspense

Querido John (Dear John)

Eu indico Querido John (EUA, 2010) Dirigido por Lasse Hallström

surpriseangry

Os Pequenos Vestígios (2021)

Existe o bem e existe o mal. E algumas pessoas têm que lutar. Em Os Pequenos Vestígios (2021), conhecemos de cara Joe Deacon, tido como uma lenda na homicídios de Los Angeles. Interpretado por ninguém menos que Denzel Washington, sua presença em cena é sempre um deleite. Cansado, mas com um talento para enxergar os pequenos detalhes, ele retorna ao ambiente de seu antigo posto, para uma coleta rápida de provas. Inesperadamente ele acaba por se envolver na busca por um assassino em série que realça o lado negro da cidade. Após Jim Baxter (Rami Malek, de Bohemian Rhapsody), delegado do Departamento de Polícia de LA, simpatizar com a fama e os métodos de Deacon, eles viram parceiros contra o crime.

The Little Things (EUA, 2021)

Antes de mais nada, um filme que define e realça a importância da intuição, mas também dos perigos que podem vir quando esta é contaminada com emoções, envolvimento demais, estafa. A investigação desenterra um passado de Deacon assim como influencia o promissor Baxter, acabando por isso ser o maior desafio para ambos, a fim de resolver o caso sem margem para desistência. Seja para acabar com as mortes, seja para compensar as vítimas, que muitas vezes ficam esquecidas por desistência da investigação, após falta de provas. Aqui temos o que seria uma ótima proposta para uma nova temporada da excelente série True Detective. Certamente temos semelhanças, seja pela atmosfera, roteiro e pelas atuações gigantes de Denzel Washington, Rami Malek e Jared Leto.

Ademais, Os Pequenos Vestígios (2021) discute uma questão delicada para detetives de verdade, quando enfrentam a síndrome do envolvimento emocional com o caso. Vemos isso nos dois protagonistas, que adquirem uma simpatia entre si pela semelhança com a dedicação pelo trabalho. É como se um fosse se tornar o que outro é hoje. Entretanto, a trama não cai no óbvio, ela fica intensa nos 30 minutos finais como se inspirada pela conclusão mórbida de Seven – Os Sete Crimes Capitais (1995), mas ainda assim surpreende até o último segundo.

São os pequenos detalhes que importam. São eles que nos enganam.

Aqui precisamos falar de Jared Leto, único dos três que recebeu indicação ao Globo de Ouro 2021. No maior estilo Charles Manson, ele domina em cena tanto quanto os demais e dá um desequilíbrio nervoso no espectador.

Resenha: Os Pequenos Vestígios (2021)

Podemos também assumir que existe o melhor de Zodíaco (2007) como também do excelente Memórias de um Assassino (2003). Este último é de Bong Joon-ho, diretor coreano mais famoso do mundo após o seu Parasita (2019). Acima de tudo, Os Pequenos Vestígios (2021) mostra o quanto pessoas do bem, além de ter que vencer o mal, precisam superar suas próprias falhas e ainda ter a consciência limpa.

Uma vez que mencionamos o Globo de Ouro, confere abaixo o nosso TOP 10 com os melhores filmes de 2020. Na nossa lista existem três filmes que tiveram alguma indicação ao Golden Globe, sobretudo um deles que concorre a melhor filme em língua estrangeira (da Dinamarca)!

TOP 10 filmes lançados em 2020

Tags Relacionadas crítica Pequenos Vestígios, Denzel Washington, Jared Leto, Pequenos Vestígios, Rami Malek, resenha Pequenos Vestígios
Próximo post Post anterior

Você pode gostar disso:

coolcryingstar
Taxi Driver (EUA, 1976)
Drama

Taxi Driver (EUA, 1976)

Em Nova York, um homem de 26 anos (Robert De Niro), veterano da Guerra do Vietnã, é um solitário no meio da grande metrópole que ele vagueia noite adentro. Assim começa a trabalhar como motorista de taxi no turno da noite e nele vai crescendo um sentimento de revolta pela miséria, o vício, a violência e a prostituição que estão sempre à sua volta. Após comprar armas, ele articula um atentado contra o senador (que planeja ser presidente). Dirigido por Martin Scorsese.

crying
Filho de Saul (Hungria, 2015)
Drama

Filho de Saul (Hungria, 2015)

Durante a Segunda Guerra Mundial, num campo de concentração de Auschwitz, Saul (Géza Röhrig) é um judeu obrigado a trabalhar para os nazistas, sendo um dos responsáveis em limpar as câmaras de gás após dezenas de outros judeus serem mortos. Em meio à tensão do momento e às dificuldades inerentes desta tarefa, ele reconhece entre os mortos o corpo de seu próprio filho. Dirigido por László Nemes.

laughingcoolsurprise
G-Men Contra o Império do Crime (“G” Men, EUA, 1935)
Primeiro Aqui

G-Men Contra o Império do Crime (“G” Men, EUA, 1935)

Um dos primeiros grandes filmes de gângster do cinema. James Cagney interpreta o jovem advogado criminalista, Brick Davis, que tenta resistir a tentações do mundo do crime, embora sua educação tenha sido paga por um gângster. Sua vida dá uma reviravolta quando um amigo e agente federal tenta recrutá-lo para o FBI, e é assassinado por um gângster. Dirigido por William Keighley.

0 Comentário

Sem comentários

Você pode ser o primeiro a comentar este post!

Deixe seu comentário