Search

Você pode gostar disso:

Entre em cena pelo CineMAM!
Top 10

Entre em cena pelo CineMAM!

O Circuito Saladearte vai inaugurar o Cinema do MAM em Salvador, o CineMAM. O melhor de tudo é que você pode ser sócio, ou simplesmente contribuir com a campanha de financiamento e ganhar recompensas de forma imediata! Enquanto Salvador ganha um novo cinema alternativo, que exibirá filmes nacionais, europeus e filmes americanos independentes, além de curtas e eventos, você ganha prêmios exclusivos.

Top 10

Horas de desespero (EUA, 2015)

Eu indico No escape (EUA, 2015) Jack Dwyer (Owen Wilson)

happy
Top 10 filmes produzidos em 2014
Top 10

Top 10 filmes produzidos em 2014

Com a proximidade do Oscar, faço uma reflexão e indico os 10 melhores filmes produzidos em 2014, os quais tive a feliz oportunidade de assistir. Você pode ver a resenha que fizemos de alguns dos filmes clicando no título.

happy

Top 10 filmes românticos

Todo mês de junho, mês dos namorados, você se pergunta como vai comemorar essa data? Uma boa opção é começar com um filme romântico a dois, em casa mesmo. Por isso deixo aqui a relação de 10 filmes que para mim foram especiais, neste sentido. Mas vale assistir sozinho(a) também. Sabendo que muitas listas de “melhores filmes românticos” são encontradas por aí com facilidade, busquei priorizar aqueles que considero menos conhecidos e coloquei em ordem por ano de lançamento:

Aurora (EUA, 1927), de F. W. Murnau:
No primeiro Oscar da história, este aqui levou o prêmio de melhor filme. O preto e branco e a ausência de falas – afinal é um filme mudo – não fazem falta diante da delicadeza dessa história. Quando um fazendeiro ingênuo é seduzido por uma moça da cidade e tenta se livrar de sua mulher, ele desiste no último momento e, arrependido, a segue para provar e reconquistar o seu amor.

Desencanto (Reino Unido, 1945), de David Lean:
Após entrevistar 101 especialistas, uma revista britânica elegeu este como o filme mais romântico de todos os tempos. Indo além da relação perfeita, do amor incondicional entre um homem e uma mulher e ainda questionando a visão tradicional das relações, “Desencanto” é um filme bastante intimista, principalmente porquê é narrado por uma personagem mulher.

As Pontes de Madison (EUA, 1995), de Clint Eastwood:
O proibido romance entre um fotógrafo da National Geographic, incumbido de fotografar as pontes de Madison, em Iowa, e uma dona de casa, cujo marido e filhos estão viajando. Almas gêmeas que se conheceram tarde demais, interpretados simplesmente por Clint Eastwood e Meryl Streep.

Amor Maior que a Vida (EUA, 2000), de Keith Gordon:
Pouco conhecido, este filme é bem romântico e tem um dos melhores finais em filmes do gênero. No elenco, Billy Crudup e Jennifer Connelly (ela está no auge de sua beleza), fazem um advogado a caminho de uma carreira política e uma ativista, que se apaixonam apesar do conflito de interesses.

Embriagado de amor (EUA, 2002), de Paul Thomas Anderson:
Trama não-convencional e interessante, sobre um amor verdadeiro que surge entre duas pessoas. Casal incomum interpretado por Adam Sandler (em seu melhor papel) e Emily Watson (perfeita como sempre).

Diário de uma Paixão (EUA, 2004), de Nick Cassavetes:
Não podia faltar o preferido de muita gente. Baseado na obra do grande escritor de romances Nicholas Sparks, uma das poucas adaptações dos romances dele que funcionou bem.

Hanami – Cerejeiras em Flor (Alemanha, 2008), de Doris Dörrie:
A paixão de uma senhora pelo Japão faz com que uma viagem para este lugar seja o último destino do casal, já que um deles está com uma doença terminal. Mais um filme com aquele final sensível e comovente.

Sentidos do Amor (Reino Unido, 2011), de David Mackenzie:
Eva Green e Ewan McGregor protagonizam essa história de amor no meio de uma misteriosa pandemia que se espalha pelo mundo. Filme que soube explorar os vários sentidos de uma forma delicada.

A Espuma dos Dias (França/Bélgica, 2013), de Michel Gondry:
Um mundo fantástico e uma história forte. Colin (Romain Duris) conhece Chloe (Audrey Tautou) e eles vivem os melhores momentos até que ela fica doente. Arruinado por despesas médicas, Colin recorre a métodos cada vez mais desesperados para salvar a vida da amada.

Dois Lados do Amor (2013), de Ned Benson:
Eleanor (Jessica Chastain) e Connor (James McAvoy) são dois jovens recém-casados que vivem em Nova York. Eles são felizes, até que algo muda tudo. Resta-lhes procurar as peças que lhes permitam reconstruir aquele passado ou conseguir seguir em frente. Dividido em 3 filmes, cada um mostrando um ponto de vista diferente. Recomendo começar pelo “Him” (que mostra o ponto de vista do Connor) e depois assistir ao “Her”.

Tags Relacionadas Adam Sandler, Audrey Tautou, Aurora, Clint Eastwood, David Lean, David Mackenzie, Desencanto, Diário de uma Paixão, Embriagado, Emily Watson, Espuma dos Dias, Hanami, James McAvoy, Jennifer Connelly, Jessica Chastain, Murnau, Nicholas Sparks, Pontes de Madison
Próximo post Post anterior

Você pode gostar disso:

happy
Top 10 filmes produzidos em 2014
Top 10

Top 10 filmes produzidos em 2014

Com a proximidade do Oscar, faço uma reflexão e indico os 10 melhores filmes produzidos em 2014, os quais tive a feliz oportunidade de assistir. Você pode ver a resenha que fizemos de alguns dos filmes clicando no título.

happy
TOP 10 originais Netflix para Oscar nenhum botar defeito
Top 10

TOP 10 originais Netflix para Oscar nenhum botar defeito

Foi uma tortura concluir essa lista visto que os filmes originais Netflix, em sua grande maioria, são decepcionantes. E eu vi muitos para conseguir gostar de 10, chegando ao ponto de cancelar minha assinatura até que um dia tenha motivos para ativar novamente. Mas ,enfim, eis que temos 10 filmes bem legais produzidos pela própria Netflix.

happy
TOP 10 filmes baseados em livros de Stephen King
Top 10

TOP 10 filmes baseados em livros de Stephen King

Os 10 melhores filmes baseados em livros de Stephen King, escritor norte-americano mundialmente reconhecido como o maior escritor de horror fantástico e ficção de sua geração. Muitos de seus livros foram adaptados para o cinema, embora poucas adaptações tenham sido de seu agrado. Como leitor assíduo de suas obras e cinéfilo sempre ansioso pelos filmes que se aproveitaram delas, montei esse TOP 10 com muito carinho.

0 Comentário

Sem comentários

Você pode ser o primeiro a comentar este post!

Deixe seu comentário